Skip to main content
Artigo

Desempenho dos Fundos de Pensões Portugueses - Q1 2019

N/A
N/A

maio 21, 2019

Analisamos as rentabilidades e composição das carteiras de investimento dos Fundos de Pensões Portugueses durante o primeiro trimestre de 2019.

No documento em a anexo, analisamos as rentabilidades e composição das carteiras de investimento dos Fundos de Pensões Portugueses durante o primeiro trimestre de 2019, tendo utilizado informação de aproximadamente 75% dos fundos de pensões abertos e fechados portugueses. Apresentamos também as rentabilidades históricas dos fundos em análise.

Evolução do mercado global – rentabilidades positivas na maioria das classes de ativos

  • Ações - As perdas registadas no último ano foram largamente recuperadas com o desempenho do mercado de ações durante o primeiro trimestre de 2019. Dentro da zona Euro, o mercado acionista italiano teve o melhor desempenho com rentabilidades de aproximadamente 17%.
  • Obrigações - As taxas de juro para obrigações governamentais e de empresas da zona Euro reduziram em todas as maturidades resultando em rentabilidades acima da média durante o trimestre. Os fundos de pensões que investem em obrigações de longo-prazo obtiveram rentabilidades superiores, na casa dos 5%.
Download
Título Tipo de ficheiro Tamanho do ficheiro
Desempenho dos Fundos de Pensões Portugueses - Q1 2019 PDF .2 MB
Related content tags, list of links Artigo Portugal